As Brumas de Avalon – Vol. 1 A Senhora da Magia

Título: As Brumas de Avalon – Vol. 1 – A Senhora da Magia

Título original: The Mists of Avalon

Autor: Marion Zimmer-Bradley

Ano de publicação: 1982

País de origem: Estados Unidos

Tradução: Waltensir Dutra

Editora: Imago – 280 páginas

 

A grande idéia de As Brumas de Avalon – e seu diferencial em relação aos outros livros que contam a lenda do Rei Arthur – é apresentar tudo do ponto de vista feminino. Portanto, Arthur não é protagonista e sim personagem secundário. A voz da narrativa é feita por Igraine, Morgana, Morgause e Gwenhwyfar (Guinevere), personagens que normalmente ficam de fora do centro das grandes ações nos livros tradicionais.

O que chama a atenção nessa série é como as mulheres, vivendo sempre às sombras em quartos de fiar, em templos, no exílio, acabam por influenciar e até mesmo tramar grandes acontecimentos políticos. O grande foco é o dilema psicológico dessas personagens, seus medos, desejos, conflitos, missões. Então não espere grandes batalhas ou qualquer outra coisa parecida. Esqueça Bernard Cornwell. O lance obviamente não é Chick-Lit, mas é muito mais sutil.

No primeiro volume, A Senhora da Magia, o leitor é apresentado à Igraine, um jovem extremamente bonita que é casada com um general e tem uma filhinha pequena chamada Morgana. Igraine vive uma vidinha assim bem mais ou menos à qual já está se acostumando quando recebe a visita de sua irmã mais velha, Viviane, que é ninguém mais ninguém menos do que a Senhora do Lago, espécie de sacerdotisa chefe de Avalon. Avalon é uma ilha isolada do mundo por uma bruma espessa e somente as pessoas que sabem os segredos da antiga religão conseguem ter acesso. Ou seja, uma pessoa normal simplesmente iria parar na igreja construída no local.

Viviane vem acompanhada de ninguém mais que Taliesin, o Merlin da Bretanha – no livro de Zimmer-Bradley, Merlin é um título, não um nome  – para pedir que Igraine cumpra uma missão muito importante: se casar com Uther Pedragon; e todo mundo que já  viu pelo menos um desenho da Disney sabe que Uther é o pai do futuro Rei Arthur. O problema é que Igraine já é casada e ela sofre alguns conflitos antes de aceitar por inteiro a sua missão. No entanto, a paixão por Uther é irresistível.

E temos aí o início da trama que segue por mais três livros: A Grande Rainha, O Gamo-Rei e O Prisioneiro da Árvore. Em A Senhora da Magia, o leitor conhece os bastidores do nascimento de Arthur e começa a se familiarizar com sua história. Na segunda parte do livro, o foco, no entanto, muda de Igraine para Morgana, que é levada para ser criada por Viviane na ilha de Avalon. Na minha opinião, essa é a melhor parte do livro pois conhecemos os motivos que levam personagens-chave a agirem de determinada maneira nos livros subsequentes. Só para se ter uma idéia conhecemos Lancelot e Gwenhwyfar (tem que usar o Ctrl + C porque eu não consigo escrever esse nome!) quando jovens.

Diferente das resenhas que costumo fazer, não vou dar spoiler nessa pois acho que vale a pena ler sem saber nada pois é uma história que te cativa não só pela lenda de Arthur que já é fascinante, mas porque joga com a psicologia dos personagens de um jeito muito próximo ao leitor. É uma série altamente recomendada, dou nota 5, sem dúvida. Só lembrando que o livro contém cenas de sexo e outras coisinhas que muita gente não aprova (como se isso fosse impedir alguém de ler rs).

Está na minha lista de favoritos sem dúvida e é um clássico da fantasia. É do tipo ame ou odeie, mas de qualquer forma vale a pena ler. Um link bacana para quem quiser discutir mais é o podcast do Grifo nosso que pode ser acessado aqui.

Anúncios

12 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Lucy
    dez 24, 2010 @ 02:03:34

    Sabe que tem muito tempo que me falam dessa série e eu sempre me esqueço procurar? rsrs
    Vou colocar na minha lista do skoob como desejados, pra não esquecer! \o/

    Responder

  2. Camila
    dez 24, 2010 @ 20:07:47

    Oi Mel,
    Ainda estou rindo com o comentário sobre o GPS para o Aragorn!! rs…
    Tenho essa coleção aqui em casa mas ainda não tive tempo de ler!! Espero que eu consiga essa façanha em 2011.
    Passei para te desejar um feliz natal e muitas felicidades!
    Beijos
    Camila

    Responder

    • Melissa
      dez 25, 2010 @ 17:36:26

      O GPS do Aragorn… eu sou impossível mesmo. rs

      Essa série é muito muito boa! E é daquelas que não tem como parar de ler, na hora que você entra no clima, quando vê, já leu os quatro livros!

      Feliz Natal pra você também e tudo de bom!

      Responder

  3. Jéssica
    jan 02, 2011 @ 02:52:00

    Brumas de Avalon é maravilhoso! Li quando eu tinha 14 anos e achei o máximo! Principalmente o primeiro volume, apesar de outros também serem muito bons, mas o foco na Morgana no primeiro livro o torna mais interessante.

    Responder

  4. Trackback: Essa semana… Mais uma vez… « Livros de Fantasia
  5. Cassy
    fev 08, 2011 @ 21:39:48

    Adorei os livros, acabei de ler há uma semana. Tive tanta raiva da Gwenhwyfar (tb usei ctrl C e cltrl V). E o Artur é um lerdo. Adoro a saga do Rei Artur. Estou doida para ver a série Camelot que estréia em abril.

    Abraços,
    Cassy
    http://dragonmountbooks.wordpress.com/

    Responder

    • Melissa
      fev 09, 2011 @ 12:43:22

      Ela é uma vaca. Desculpa a expressão, mas é só isso que posso falar dela. Mas essa série é incrível, né? Muito emocionante…

      Responder

  6. Trackback: As Brumas de Avalon – Vol.2 A Grande Rainha « Livros de Fantasia
  7. Trackback: A Escolha de Elphame « Livros de Fantasia
  8. Trackback: As Brumas de Avalon Vol.4 – O Prisioneiro da Árvore « Livros de Fantasia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: