Balanço Geral – O Senhor dos Aneis

 

E sempre que terminamos de resenhar todos os volumes de uma série, temos aqui o  Balanço Geral Séries que mostra ao leitor de uma maneira rápida e prática os pontos principais positivos e negativos dessa série. Bom para quem ainda não se decidiu se quer ler ou não.

A série da vez é nada mais nada menos que o clássico dos clássicos da fantasia, O Senhor dos Aneis. Se você está procurando detalhes sobre essa obra, clique aqui para as resenhas específicas dos três livros.

Vamos ao Balanço Geral!!!

Prós Contras
Personagens Bem descritos e com um background histórico muito criativo e interessante. A maioria deles não é desenvolvida psicologicamente. Não sabemos exatamente o que os move, a não ser por Frodo, Sam e Aragorn.
Trama Bem desenvolvida e bem fundamentada. Nada acontece do nada. Muitas cenas impactantes. Leitores desatentos podem achar que a trama não tem muita novidade. Mas gente, esse aqui foi o PRIMEIRO do tipo, então, bem, na verdade foram os outros que copiaram. rs
Mundo criado Desenvolvido à exaustão. Tolkien criou apêndices e mais apêndices para narrar a Terra Média e seus habitantes. O marco do gênero, é certamente também o mundo imaginado mais bem escrito que se tem notícia. A Terra Média realmente parece um lugar que existe. Gente, sério, não tem contra nesse caso.
Aspecto Fantasia A magia é parte da Terra Média e está ligada à figura dos elfos e a dos magos. Existem explicações consistentes sobre essas duas categorias e suas funções.

É certamente um Alta Fantasia no estilo medieval, ou seja, há muitos cavaleiros e duelos e a ambientação é baseada na Idade Média.

Não é bem um contra, mas não espere nessa trilogia grandes duelos de magia ou feiticeiros poderosos pipocando por aí. Os magos e os elfos usam “magia” de um jeito mais sutil, quase científico. É como um estudo que dura anos e não é usado levianamente.
Escrita Escrita bem elaborada e consistente. Muitos detalhes, especialmente históricos e geográficos. O excesso de detalhes pode deixar leitores menos pacientes cansados e desinteressados.

 

Nota Final: 5 em 5. Série excelente, fantástica! O grande clássico do gênero sem sombra de dúvida. Você não pode se dizer um grande fã de fantasia sem ter lido O Senhor dos Aneis. Ponto.

Anúncios

8 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Rodrigo
    abr 23, 2012 @ 18:41:37

    Realmente a série merece 5! Li e gostei. Mas acho que consigo achar um aspecto contra. Talvez o fato da série ser a mesma coisa nos 3 livros, sobre a mesma jornada do Frodo, pra levar o Um Anel a Montanha, sem novidades possa ser considerado algo negativo.

    Responder

    • Melissa
      abr 23, 2012 @ 22:57:05

      Rodrigo, é, talvez algumas pessoas possam mesmo achar isso negativo. Eu discordo, mas é porque me empolgo com a série! 🙂

      Responder

  2. Liége
    abr 23, 2012 @ 18:57:50

    AAAh, que balanço lindo *olhos brilham*. Eu acho muito bacanas esses balanços gerais que você faz, Melissa, são ótimos. Concordo com tudo o que você colocou. Ao contrário do Rodrigo, eu não acho que o aspecto de ser a mesma coisa nos três livros seja algo negativo, porque acho que enxergo os três livros do SdA como uma coisa só, sabe… mas realmente pode ser algo que incomode.

    Responder

    • Melissa
      abr 23, 2012 @ 22:58:10

      Liége, que bom que gosta! Eu faço isso de balanço porque sempre quis que alguém fizess isso. hahahaha Sério, muitas vezes eu fico com vontade de ler uma série, mas quero saber se vale a pena, e nunca acho posts sem spoilers! Já que não tinha ninguém fazendo, resolvi arregaçar as mangas e fazer eu mesma. hahaha

      Responder

  3. Bia
    abr 24, 2012 @ 00:33:44

    Eu ja gostei muito, mas sinceramente Senhor dos Anéis não é a série que passa dias na cabeceira da minha cama, eu li, gostei, terminei e não toquei mais, diferente de outras séries fantasticas que eu ficava louca lendo e relendo, tipo a saga do mundo emerso (que tem resenha aqui no blog). Quando eu li Senhor dos Anéis era adolescente, tinha 13 anos e tudo era novidade, elfos, anões, orks. Sério mesmo, bons tempos!! eu e minhas amigas até brincavamos amigas quando a gente saia na rua que eramos a sociedade do anel ahahahaha
    Eu sinto essa coisa de que tudo hoje tem um dedinho do Tolkien, mas também não me importo com isso sabe desde que o enredo me prenda e me faça ficar lendo e relendo.
    beijos

    Responder

    • Melissa
      abr 24, 2012 @ 14:35:44

      Bia, eu entendo o que você quer dizer.

      Ah, e eu também já tive essa fase de brincar dessas coisas. Eu brincava de Senhor dos Aneis com as minhas Barbies. hahahahahaha

      Mas eu adoro reler o livro, já reli três vezes completas e uma quarta vez só O Retorno do Rei. Cada vez que releio é uma experiência diferente. Reler livros é mesmo sempre muito bom! 🙂

      E outra coisa: o dedinho do Tolkien está em muitos livros de fantasia, mas isso não os faz piores. Afinal, muito da literatura em geral tem dedinho do Shakespeare, do Fernando Pessoa, dos grandes escritores do passado! Então isso não é cópia, é só uma influência que muitas vezes é bem positiva.

      Responder

  4. markwheav
    abr 26, 2012 @ 12:43:04

    O Senhor dos Anéis (e a obra de Tolkien, como um todo) é, pra mim, a saga máxima da fantasia medieval. É claro que tem muitas coisas legais que vieram depois, inspiradas direta ou indiretamente nele, mas nenhuma é tão perfeita. O mundo que ele construiu, que vai sendo detalhado e explorado no Simarillion, no Contos Inacabados e no Filhos de Húrin, é simplesmente perfeito. Acho engraçado que muita gente acha a escrita dele chata, exatamente pelo detalhismo da obra, mas isso é uma das coisas que eu, na verdade, mais gosto. Não é um livro pra se ler correndo, é um livro pra ser lido com calma, se apreciando justamente os detalhes. Já foi dito que o personagem principal do livro é a própria Terra-Média, e os personagens estão lá pro cenário poder ser apresentado pros leitores. O livro, inclusive, era um tomo único, mas os editores da época (década de 1930) acharam que ninguem ia comprar um livro daquele tamanho sobre fantasia, então, meio que sem concordar muito, Tolkien topou dividi-lo em três. Com certeza é minha obra de cabeceira!!!

    Responder

    • Melissa
      abr 26, 2012 @ 14:26:10

      Eu também gosto bastante dos detalhes. Hoje a maioria das pessoas só quer ler livros frenéticos com muita ação e talz, mas como eu já disse aqui mesmo no blog, existem outros tipos de livros que são outros tipos de leitura, mais lenta, mais “saboreada”. E Senhor dos Aneis é com certeza um desses tipos de livro. É realmente uma leitura inesquecível! 🙂

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: