Balanço Geral – A Torre Negra

Balanço Geral Séries dessa vez comenta A Torre Negra, a série megalomaníaca do Stephen King. Ao todo são sete volumes de fantasia pós-apocalíptica adulta (nada apropriado para crianças/adolescentes, hein?). Como sempre vou dar um panorama bem geral da série levando em conta alguns aspectos bem básicos. Bom para quem está pensando se embarca ou não nessa. Quem quiser uma análise mais detalhada, leia as resenhas de cada livro clicando aqui.

Então vamos aos prós e contras!

Prós Contras
Personagens Bem desenvolvidos e complexos. Nada de gente que age sem motivo. Além disso os personagens são muito interessantes e envolvem o leitor. O excesso de background na vida dos personagens pode deixar os leitores que curtem a coisa mais direto ao ponto bem entediados.
Trama A trama é envolvente e cheia de mistérios. Cada volume trás mais informações e a curiosidade do leitor fica em desespero a cada página. Como todo livro do Stephen King, nenhuma trama é totalmente fechada. Isso significa que alguns mistérios não serão explicados. Eu particularmente gosto disso, mas sei que alguns leitores mais tradicionais ficam loucos de raiva.
Mundo criado O Mundo Médio é criativo justamente por suas referências ao nosso mundo. É como se fosse uma grande colagem, não só da nossa “realidade” mas também de outros livros (inclusive outros livros do King!) e filmes. Ah, e a Torre Negra é um conceito muitíssimo interessante e profundo! Não há descrições geográficas precisas e mais uma vez digo que leitores tradicionais talvez não gostem do aspecto caótico do Mundo Médio.
Aspecto Fantasia O Mundo Médio possue suas próprias regras e lendas que são desenvolvidas de forma particular. Há referências a outras “fantasias” como Rei Arthur, O Senhor dos Aneis, Harry Potter… O teor do livro é bastante sombrio, o que pode desagradar leitores que gostam daquele lado da fantasia mais “bonitinho”. O Mundo Médio é um mundo de fantasia decadente. O que não é ruim, mas como eu disse antes, tem gente que vai achar isso um problema.
Escrita Bastante preocupada com os personagens de modo que temos muitos detalhes sobre eles.

Referências a músicas e filmes enriquecem o texto.

Super prolixo. Alguns volumes poderiam ter sido mais enxutos com certeza.

Nota Final: 4 em 5. Série incrível, que peca na prolixidade mesmo. A série em si é uma jornada de maturidade não só para os personagens mas também para a própria história: com um primeiro volume fraco, A Torre Negra vai ganhando terreno até terminar num final primoroso! Uma experiência inesquecível, sem dúvida.

Se é a sua primeira vez com Stephen King, sugiro que você leia outros volumes antes. Eu apontaria Carrie e O Iluminado como bons começos.

Anúncios

10 Comentários (+adicionar seu?)

  1. João Pedro Bernardo Fontoura
    maio 18, 2012 @ 12:42:54

    Bom, eu li até o livro 4, não terminei a série ainda, pois os preços dos livros são bem salgados, eu imagino se tivesse imposto cada livro sairia por 200 reais, mas eu gostei bastante e gosto dos background, sinto falta de uns backgrounds nas cronicas de gelo e fogo. abraços

    Responder

    • Melissa
      maio 19, 2012 @ 02:05:32

      João Pedro, pois é, o preço dos livros é bem caro mesmo. Eu lembro que li alguns volumes na biblioteca pra economizar. Pois é, essa série tem um background de personagem muito rico. Coisa que “Crônicas de Gelo e Fogo” não tem mesmo não.

      Responder

  2. Rodrigo
    maio 18, 2012 @ 14:51:40

    Li o primeiro livro da série apenas. Estou louco para comprar o segundo. É muito complexo. Tive que reler para entender.
    Melissa, Nárnia não vai aparecer aqui no blog? Seria muito bacana.

    Responder

    • Melissa
      maio 19, 2012 @ 02:06:52

      Rodrigo, o primeiro livro é bem caótico e um tanto imaturo, afinal, o King escreveu ele quando tinha apenas 19 anos. O livro dois é muito bom, mas é a partir do três que a história fica mesmo eletrizante! Vale a pena ler!

      É mesmo, tô devendo umas resenhas de Nárnia, né? Vou preparar algumas mais pra frente. Valeu pela dica! 🙂

      Responder

  3. Astreya
    maio 18, 2012 @ 17:49:51

    Ótimo balanço como sempre, Melissa! Parece mesmo uma série complexa e cheia de simbolismos, eu acho isso muito legal. Vou pedir logo a série emprestada do meu cunhado!

    Responder

    • Melissa
      maio 19, 2012 @ 02:07:51

      Sabe que eu adoro esses posts de balanço? Sei lá, é o tipo de post que eu queria ler e ninguém escreve, então decidi fazer eu mesma. hahahahaha Eu gosto muito dessa série. Ela é um pouco sombria, mas vale a pena. E se o seu cunhado tem, melhor ainda porque o preço dos livros é bem alto!

      Responder

  4. Liége
    maio 19, 2012 @ 19:23:01

    Ai caramba, eu fico trocando “Astreya-Liége” e depois parece que tenho dupla personalidade. Eu vou mesmo pedir emprestado do meu cunhado depois, mas o coitado é ciumento com os livros XD. Ah, e obrigada pelos comentários nas ilustrações de O Enigma da Lua, Melissa! Eles não andam aparecendo no blog =(, mas aparecem no meu e-mail. Ficaram lindas mesmo, né, a Angela tem se superado…

    Responder

  5. Liége
    maio 20, 2012 @ 18:05:15

    Melissa, descobri os problemas no seu comentário! Estavam sendo caracterizados com spam! Agora pode comentar à vontade que todos aparecem!! =DDDDD

    Responder

  6. Juliana Pires
    maio 30, 2012 @ 10:48:13

    Eu nunca li nada do Stephen mais tenho a maior vontade. Eu fiquei bem curiosa em relação a essa série, que parece bem imteressante.

    Beijos

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: